O Pacóvios vai entrar em uma onda um pouco mais nerd ou geek, e começar a falar sobre os videogames, sim, nossos queridos aparelhos que já nos proporcionaram diversos momentos divertidos.  Por isso vamos tentar dar uma volta nos primórdios dos consoles, para podermos tentar entender melhor toda a trajetória que se passou até termos esse maravilhosos gráficos e jogos que temos hoje. Apresento a vocês, Pacóvios: Press Start!

Bom, vamos lá primeiro de tudo nós precisamos definir oque é computação, pois é através dela que praticamente tudo tecnológico hoje em dia se originou.

Do dicionário:

– Computação: cômputo, cálculo, contagem; operação matemática ou lógica realizada por regras práticas preestabelecidas. Ou Processamento de Dados. –

Ou seja, é uma máquina capaz de fazer variados tipos de tratamento automático de informações ou de processamento de dados.

São todas aquelas máquinas e ferramentas que vieram desde os logaritmos de John Napier em 1614, á maquina de tabular ou máquina de Hollerith inventada em 1880 por Herman Hollerith um dos fundadores da International Business Machines, ou como é conhecida por todos, IBM.Herman Holletih - John Napier

Até os gigantes computares de salão, Harvard Mark I (1936), ENIAC (1946) e etc. Utilizados durante e pós as guerras mundiais.

Eniac - Harvard Mark I

Os Videogames, ou jogos eletrônicos que temos atualmente, seja no seu computador, console, celular ou fliperama, teve inicio em meados dos anos 50, quando acadêmicos americanos começaram a projetar simuladores e programas de inteligência artificial como parte de suas pesquisas no âmbito da ciência da computação, ou seja, Game é Ciência, e a computação está totalmente ligada a ele. Porém naquele momento esses simuladores não eram utilizados para diversão, muito pelo contrário. Somente na década de 70 e 80 é que os jogos eletrônicos se tornaram populares sendo atribuídos a computadores, consoles e arcades, tanto é que eles se tornaram um entretenimento essencial para a cultura moderna. Dada à introdução, vamos à história!

Os Primórdios:

Nos anos 50 os jogos de inteligência artificial foram criados com o objetivo de ampliar a mente e desenvolver melhor o cérebro em atividades escolares entre outras, e isso tudo era feito por um computador chamado UNIVAC I (1951) considerado o primeiro computador comercial da história. Porém UNIVAC era um aparelho grande, que gastava muita energia, e além disso, precisava de uma equipe altamente treinada para operá-lo. Por conta disso, a criação dos primeiros jogos eletrônicos se limitou a testes e demonstrações de teorias relacionadas a áreas de interação humano-computador, aprendizagem adaptativa e principalmente para desenvolvimento de estratégias militares.

Alguns dos primeiros jogos criados durante essa época, incluem o game matemático Nim: OxO criado para ser jogado em um computador chamado de EDSAC que simulava o clássico jogo da velha.

O Hutspiel (1955) um jogo de guerra criado pelo governo dos Estados Unidos para simular um conflito entre a União Soviética contra a Europa. Mas o jogo que se destacou mesmo nessa época, foi Tennis for Two (1958) criado pelo físico norte americano William Higinbotham, seu programa simulava uma partida de tênis que era exibida na tela de um osciloscópio (oque na época era genial, inovador, e para alguns, mágico!) Rs.

Univac - Tennis For Two - Nim:Oxo - Edsac

O famoso Spacewar!:

Na época, o Instituto de Tecnologia de Massachussets, um dos principais centros de pesquisa na área de computação no mundo, tinha o famoso TX-0, um computador que era considerado novidade na época e que logo atraiu olhares de diversos estudantes de engenharia que passaram a desenvolver nele ferramentas de programação e também alguns jogos simples, como o Mouse in the Maze – 1959 (Rato no Labirinto) e o Tic-Tac-Toe (jogo da velha novamente). Como a tecnologia estava em efervescência e não parava se aprimorar, o TX-0 foi logo substituído pelo PDP-1, um minicomputador que possuía um monitor (novidade na época).

Space War

Vendo isso, um rapaz decidido a explorar o novo hardware, chamado Steve Russell, criou o primeiro jogo de tiro da história, um game de nave espacial cujo objetivo era acertar torpedos nos inimigos, Space War, testado em 1961 e finalizado em 1962 foi um tremendo sucesso e teve distribuição em todo os Estados Unidos pela empresa fabricante dos computadores PDP-1 a DEC. Isso fez com que o game chegasse a outras universidades dos Estados Unidos inspirando e divertindo diversos outros jovens programadores universitários, a partir dai ninguém pode mais segurar a força que os games tinham!

Space War

Chegamos ao final da primeira parte da história dos videogames aqui no novo quadro do blog, Pacóvios: Press Start! sobre Computadores e Space War, espero que tenham gostado para que possamos continuar nessa pequena jornada na história e trazer para vocês curiosidades e informações que estão em volta de nossos mais queridos hábitos, seja eles séries, filmes, e sim, os videogames!