Esse é um quadro esporádico, ok? Não tem dia da semana pra sair, muito menos uma periodicidade, quero dizer, não sei quando vou poder escrever sobre saudade de ouvir alguma coisa, pois vou precisar sentir a saudade de fato, né non? Vai ser exatamente assim, do nada, no susto. Pra começar com o pé direito, nesse primeiro post eu resolvi falar sobre uma banda gringa, quem me conhece sabe que são poucas a que ouço, mas o Franz Ferdinand sempre foi uma das minhas bandas favoritas. Talvez pelos clipes, pela loucura no palco…

Lembro-me, como se fosse ontem, quando conheci a banda. Eu era bem jovem e adorava assistir a MTV – acho que vou acabar falando muito da MTV aqui nesse quadro (alias, saudade MTV Brasil) -, a banda veio fazer uma apresentação no VMB de 2009, foi amor a primeira vista, a paixão já era alimentada a tempos, com aquele clássico “Conheço essa música, mas não conheço a banda”. Depois da execução de “No You Girls”, eu que era rato da internet comecei a baixar os álbuns dos caras e ouvir que nem louco.

Franz Ferdinand

Alguns anos depois, em 2012 pra ser mais exato, o Festival da Cultura Inglesa trouxe a banda pra tocar DE GRAÇA no Parque da Independência. Na ocasião peguei uma fila gigantesca, com alguns amigos, depois de horas na fila, me enfiei em um tumulto em que a policia já estava jogando bombas de efeito moral e dando aquela massagem nas canelas com os cassetetes. 20 mil fãs desesperados por um show gratuito fizeram o mesmo.

A última passagem da banda pelo país foi com a tour de “Right Thoughts, Right Words, Right Action”, lançado em 2013. Os caras vieram tocar por aqui no ano seguinte, não lotou (felizmente para os fãs) e a apresentação foi simplesmente histórica. Sem dúvida um dos shows mais legais que vi durante aquele ano. Alias saudades de ver um show desses caras.

Foto: Fabio Nunes.

Foto: Fabio Nunes.

Para nooossa alegria, a banda não acabou. Rolam boatos por ai que eles estão trabalhando em um novo disco, ainda sem previsão de lançamento, no entanto, neste novo trabalho a banda não contara com o apoio de Nick McCarthy, o cara era o guitarrista do grupo, agora ele não faz mais parte da banda. Mesmo assim, que venha um novo disco, quando for lançado adivinha quem já vai estar prontinho pra fazer uma resenha? Pra comprar ingresso e colar no show? Eu mesmo, Cainan Willy.

Ouve ai Franz Ferdinand – “Right Thoughts, Right Words, Right Action”: