Gambiótica é um grupo formando por estudantes do curso de Audiovisual da UFSCar. Até o momento o grupo produziu dois curtas e alguns vídeos para o Youtube exibindo efeitos especiais. Conversamos com eles sobre como nasceu o projeto e quais são as expectativas para o futuro. Você confere o resultado aqui:
Pacóvios – Como nasceu a ideia de montar o grupo?

Gambiótica: A ideia em si veio de uma conversa informal via skype no mês de julho do ano passado (2015). Tínhamos um interesse muito grande de produzir curtas metragens e outros conteúdos audiovisuais, contudo precisávamos de um projeto que servisse como incentivo para a produção dessas obras paralelamente à nossa vida acadêmica. Com essa ideia estabelecida, passamos a conversar e a convidar outras pessoas da nossa sala que compartilhassem dos mesmos interesses, formando assim a base do grupo que temos hoje em dia.

Pacóvios – Qual foi o processo criativo para chegar ao nome Gambiótica? Qual o Significado dele?

Gambiótica: Foram váááários meses de reuniões, brainstorms e conversas informais para chegarmos a um nome que agradasse a todos. Sério, foi uma loucura. Chegamos até a cogitar o nome “Caravelas Russas da Federal do norte” por motivos de piada interna. Mas enfim, certo dia estávamos reunidos com o objetivo de tentar achar o nome definitivo. Como de costume, todos sugeriram inúmeros nomes novamente, porém, desta vez, o Max veio com a ideia de um termo que um amigo dele havia inventado. Era algo que misturava “gambiarra” com “ótica” (fazendo referência às objetivas das câmeras que eles usavam): Gambiótica.

Pacóvios – Quem são os integrantes do grupo atualmente?

Gambiótica: Atualmente a Gambiótica é composta por (em ordem alfabética): André Zago, Danielle Ribeiro, Douglas Reginaldo, Éderson Guilherme, Guilherme Fiorentini, Harry Pariz Salgado, Mateus Eustáquio, Max Tomaz Souza, Pedro Conde, Pedro Oliveira, Rafaela Bustamante, Verônica Silva, Victor Otsuka e Wagner Batista.

Capa

Capa do face da Gambiótica

Pacóvios – Todos eles com funções específicas ou a galera meio que se ajuda e todo mundo acaba fazendo um pouco de tudo?

Gambiótica: Olha, cada um tem as suas especialidades. Porém temos uma filosofia de “rotatividade de funções”, então procuramos – na medida do possível – alternar as funções exercidas em cada projeto. A ideia é a de quebrar a “””alienação da linha de produção”””, com cada integrante conhecendo pelo menos um pouco de cada área, dinamizando assim a eficiência no set. E também pra ver se alguém encontra a
“profissão dos sonhos”, já que muitos ainda não tem certeza do que pretendem adotar como ênfase nas etapas finais do curso.

Pacóvios – Recentemente vocês lançaram o curta “A(s) Ideia(s)”, como foram surgindo as ideias para criação do roteiro?

Gambiótica: Depois de vários brainstorms em conjunto com a galera, optamos por essa ideia que foi sugerida pelo Ederson de um roteiro que brincasse com a troca entre gêneros e clichês do cinema. Depois isso passou por uma reunião entre o Douglas e os dois Pedros que definiram em conjunto alguns pontos da história, como que gêneros abordaríamos, entre outras coisas. Por fim o Douglas ficou encarregado de escrever o roteiro em si, desenvolver os diálogos e as cenas e assim nasceu A(s) Ideia(s). No fim um grande conjunto de ideias mesmo. Haha.

Pacóvios – Sobre a execução e produção das ideias, quais as dificuldades e como as superaram?

Gambiótica: Além das correrias e da exaustão digna de uma semana de gravações diárias,
podemos dizer que um dos maiores obstáculos que tivemos de superar por mais estúpido que pareça foi
o despreparo. Basicamente 90% das cenas do curta foram decupadas (“planejadas”) na hora, sendo que ainda precisávamos correr contra o tempo por conta da necessidade da luz do sol. No final das contas, todo mundo precisou superar algum obstáculo fazendo bom uso da criatividade e da improvisação.

Foto

Foto retirada do face da Gambiótica

Pacóvios – Nós gostamos muito do resultado final, era isso que vocês imaginavam produzir no inicio mesmo?

Gambiótica: Imaginávamos produzir, na medida do possível, algo que pudesse passar para o público a essência do nosso grupo, causar boas impressões e deixar claro a diversidade das produções que faríamos futuramente. Com o feedback que recebemos da galera após o lançamento do curta, temos certeza de que conseguimos atingir boa parte dessa nossa meta inicial, o que nos deixou muito empolgados para os projetos seguintes do canal!

Pacóvios – Quais os planos para o futuro da Gambiótica? Novas produções estão a caminho?

Gambiótica: Sim, novas produções estão a caminho! Além dos curtas que produzimos de costumo, temos em mente a criação de alguns programas voltados para assuntos mais específicos, como a sequência dos episódios do GambiFX (seção do canal dedicada à questões de efeitos visuais); um programa próprio voltado para a produção de equipamentos e outras ferramentas/acessórios/gambiarras caseiras; e um programa especial de Making Of”s das produções do Gambiótica.

 

Além do curta A(s) Ideia(s), o grupo produziu um segundo curta chamado OVEREXPOSED que está participando do festival My Rode Reel 2016.

Para saber mais sobre o grupo você pode conferir os links abaixo:

Facebook: facebook.com/gambiotica

Curta A(s) Ideia(s):

Curta OVEREXPOSED:

 

Festival My Rode Reel 2016: Vote no curta dos caras!