Desculpa o titulo gigante e não desiste da gente! A Página do Relâmpago Elétrico é destaque no Sexta Efervescente de hoje. Confira

Tá no ar mais um Sexta Efervescente, você deve estar estranhando o titulo desse texto, mas vai dizer que durante toda essa comemoração de carnaval você não teve um momento se quer de bad, eu tive vários, na real que o carnaval inteiro foi bad, voltar a trabalhar inclusive foi mais ainda, mas bora lá.

A banda A Página do Relâmpago Elétrico foi uma das que me ajudaram a driblar o tédio e enfrentar esse turbilhão de pensamentos que acontecem na cabeça quando a gente tem tempo de sobra em casa na frente do computador. As letras melancólicas e o instrumental pegado te dão aquela sensação boa de abraço, quase como encontrar conforto nos problemas musicados de outras pessoas.

Formada, quase que exclusivamente, por Caio Otero (guitarra, voz e produção), A Página do Relâmpago Elétrico só tem ele como membro fixo, mas só chegou a este mundo com o apoio do baterista colombiano Camilo Andrés. Nas apresentações da APRE em São Paulo e no Rio de Janeiro Caio conta com o apoio de Gabriel (primo e integrante do Tom Gangue), Felipe e o Luiz (do Gorduratrans).

Os caminhos de Caio e Camilo se cruzaram depois de um show da banda argentina El Mató, dai pra frente os dois se aproximaram graças a internet. Já o curioso nome da banda é inspirado no disco de mesmo nome do mineiro Beto Guedes.

A Página do Relâmpago Elétrico divulgou em 2016 o seu primeiro registro, o álbum “Maus Meses” conta com 9 faixas que vão do experimental ao lo-fi, sem perder qualidade sonora em momento algum, destaque para as faixas “Pílulas” e “Sozinho / Parado”, essa última inclusive ganhou um videoclipe bem experimental, o link você já deve ter visto no meio dessa matéria. As duas faixas foram a trilha sonora da minha semana, provável que sejam músicas marcantes pra você também.

Ouça o disco “Maus Meses” – A Página do Relâmpago Elétrico:

Pacóvios: Cultura independente de tudo.